sexta-feira, 8 de maio de 2015

POTINARA- UNIÃO DE COLORIDO, FORMA, DURABILIDADE E RUSTICIDADE FAZEM PARTE DESSE BELO HIBRIDO





Potinara susan fender 'cinnamon stick'

Ao longo de mais de um século de hibridações o que temos hoje são plantas adaptadas ao cultivo domestico e com florações sucessivas ao longo do ano, mas como provem de cruzamento também possuem algumas particularidades de cultivo.
Potinara egiptian queen
O hibrido Potinara foi criado para nomear as plantas que derivam do cruzamento de quatro generos de orquideas: Brassavola, Cattleya, Laelia e Sophronitis, AS flores desse hibrido são exuberantes e de colorido intenso...Laranja, amarelo e vermelho são as tres tonalidades predominantes nas cores das flores, apesar de existir uma grande variação de cores devido aos inumeros cruzamentos com centenas de plantas envolvidas. Plantas de variadas cores, com muita mistura de tons e detalhes encantam muitos colecionadores. Suas flores são muito duraveis, principalmente as que são conhecidas como "midi"(com o diâmetro da flor de tamanho bem menor, possivelmente influenciado pela Sophronitis que tem o menos tamanho das quatro espécies envolvidas.)
As Potinaras "midi" tem como maior característica são o numero de florações que podem chegar a três por ano!
São Plantas que costumas ter suas estruturas florais se apresentando mais precocemente se comparado a outras espécies e híbridos, sendo comum ter flores que mudam de cor ao longo da maturação da planta.


Potinara kozoz scarlet 'vi emi'

Potinara Crowfield "Mendenhall"
Em relação ao perfume e aroma das flores da Potinara, vai depender das plantas utilizadas no cruzamento. As que possuem flores estreladas, que são mais semelhantes a espécie brassavola, normalmente não exalam cheiro nenhum, e ao contrario, as Potinaras de flores grandes geralmente são perfumadas. A quantidade de flores também varia conforme as matrizes que compõe o híbrido. Existe Potinaras que podem "puxar" pela sophronitis e ter uma ou duas flores por haste, como também puxar outra matriz como a Brassavola, onde podem emitir até dez flores por haste, como é o caso da Potinara hoku gem.



Potinara hoku gem


                  As preferencias da Potinara no cultivo


Bulbo florido de Potinara william farrell" pastel parade"
No cultivo da Potinara não existe segredos, de modo geral, os híbridos são menos exigentes do que as espécies, O detalhe no cultivo da Potinara é com a temperatura excessiva. Existem casos especiais de plantas que precisam mais ou menos luminosidade, clima frio ou mais quente, entre outras particularidades, mas de regra geral, a maioria não tem necessidades especificas, pois seu DNA é vasto em opções de climas em que possa vegetar. Devem receber regas moderadas pois o excesso pode comprometer as raizes, o ideal é molhar somente quando o substrato secar. A umidade do ar é fundamental que seja boa e a luminosidade pode chegar a 60%. A ventilação dificulta para as pragas e melhora a respiração da planta. Em locai muito secos é indicado molhar o chão para elevar a umidade do ar. As orquideas precisam de boa umidade relativa do ar que é diferente de vaso encharcado. Em ambiente natural a umidade do ar é satisfatória para as plantas pois a terra "respira" e controla a umidade. Nas cidade isso não acontece porque existe pouca vegetação e muito concreto abafando essa umidade natural. Alem disso no período de seca é necessário atenção redobrada com a umidade do ar para que elas não desidratem e fiquem fracas. Sobre a adubação a recomendação é a mesma que as outras espécies de orquideas. Adubação completa, com todos os treze nutrientes entre macros e micros. Atualmente no mercado o que tem dado mais resultado no cultivo domestico, são adubos orgânicos, pois não tem segredo de uso e são completos do ponto de vista nutricional. Sempre que for adubar a planta a dica é molhar bem a planta e o vaso com agua limpa antes e depois de um tempo aplicar o adubo. A agua limpa as impurezas do substrato lixiviando e também hidrata a planta para absorver a adubação. Procure fazer as aplicações de adubo após as quatro da tarde para evitar a evaporação excessiva. O segredo da floração exuberante da Potinara está justamente na boa adubação e luminosidade. O principal erro é a exposição a um curto período de sol prejudicando as floradas. O ideal é que receba um mínimo de cinco horas de luz por dia. A luz solar direta é muito forte para a maioria das orquideas, o ideal é usar sombrite pois alem de diminuir a intensidade do sol diminui a temperatura embaixo dele, tornando o local agradável para se cultivar as Potinaras e outras espécies também. Como a Potinara é um híbrido bem versátil aceita bem vários tipos de vasos e substratos, o que o cultivador deve avaliar na escolha é sobre o clima onde vai cultivar.
Potinara Green Emerald 'Queen'


Potinara  Free Spirit 'Lea' 


.
Enviar um comentário